Terceiro dia de desfiles na SPFW com Reinaldo Lourenço, Ellus, Mario Queiroz, Huis Clos e Samuel Cirnansck

Reinaldo Lourenço

Inspirada na Catedral de Notre Dame, a coleção trouxe um ar obscuro e gótico, com a presença de preto e vermelho trazendo sensualidade e mistério para a passarela. Transparência, couro, veludo, seda, bordados de cristais e peles foram uns dos destaques, junto com o capuz pesado que dava um ar urbano e ao mesmo tempo medieval. Destaque também para as estampas que remetiam aos vitrais da Catedral.

Coleção de outono/inverno 2012 do estilista Reinaldo Lourenço.

Ellus

O rock mais uma vez teve presença na semana de moda de São Paulo. O couro esteve presente em calças justas, saias retas, paletós, luvas, e para dar um ar mais pesado para os looks femininos foram usados fivelas de metal. O vinil e a pelúcia deram brilho quando postas junto de peças opacas. O preto foi usado sabiamente na escolha de tecidos e materiais, não deixando monótono. Na cartela de cores também inclui o vermelho, cáqui e ocre.

coleção outono/inverno da ellus para o ano de 2012

Mario Queiroz

Com peças de alfaiataria, o estilista apostou na realeza britânica em blazers, camisas e calças justas para os homens e largas para as mulheres, brincando com a mistura dos gêneros na alfaiataria, criando uma harmonia entre o masculino e o feminino. As sobreposições de diferentes tecidos e texturas e as estampas criaram looks interessantes e incomuns, mas que agradaram ao público. Na cartela de cores, azul, preto, cinza, vermelho e laranja.

Coleção outono/inverno de Mario Queiroz para a São Paulo Fashion Weekcoleção outono/inverno 2012 do estilista Mario Queiroz para a São paulo Fashion Week

Huis Clos

Com foco no minimalismo, o desfile da Huis Clos remeteu à atmosfera vintage, com vestidos e macaquinhos mais soltos e ombros arredondados valorizados por pregas e rendas. A malha, o veludo e lã deram conforto ás peças, aliadas ao romantismo das rendas, com uma cartela de cores discretas, como o marrom, bege, areia, camelo, avermelhado e verde água.

coleção outono/inverno da Huis Clos para a São Paulo fashion Week

Samuel Cirnansck

Utilizando peles fake, o estilista conseguiu dar luxo ao criar vestidos longos, unidos aos detalhes em renda e organza, com delicados bordados feitos à mão, que refletiam a intenção do estilista de criar peças que fossem joias. Na cartela de cores, branco, preto e dourado.

coleção outono/inverno de Samuel Cirnansck para a São Paulo Fashion Week

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s