A moda plus size quebrando paradigmas e afirmando a beleza da mulher GG

No post anterior sobre as proporções do corpo, entendemos a importância de conhecer e identificar os seus aspectos positivos e como valorizá-los através da modelagem, das cores e das estampas. Não é novidade que os catálogos de coleções, a televisão e as mídias sociais muitas vezes nos impõe um padrão de beleza voltado para o corpo magro e alto exibindo diferentes dietas e exercícios para perda de peso, debochando de atrizes e cantoras que engordaram e mostrando fotos de celebridades “em forma” como inspiração para as espectadoras seguirem seus exemplos.

Reportagem sobre as Angels da Victoria`s Secret

Essa busca e desejo pelo corpo magro acaba sendo uma limitação para as pessoas acima do peso na compra de roupas, seja pela falta de numeração adequada ao biotipo ou a escassez de informação sobre combinação de cores, estampas e a modelagem. Há revistas e blogs que realizam reportagens e produções voltados para esse público mas ainda é muito pouco se comparado a grande demanda de notícias relacionadas às pessoas magras.

Felizmente há marcas e estilistas especializados em modelagem acima do tamanho 46 que oferecem roupas de qualidade, conforto e que quebram a antiga regrinha que a mulher acima do peso só podia usar roupas escuras. A gradual expansão desse mercado favoreceu o aparecimento de modelos plus size e a grande referência desse nicho é a brasileira Fluvia Lacerda considerada a Gisele Bündchen do plus size, descoberta por uma editora de moda em um ônibus de Manhattan, tornando-se destaque no mundo GG  e segundo a modelo, o foco de seu trabalho é proporcionar para as mulheres uma reeducação visual no intuito de inspirá-las na escolha das peças e das cores.

Modelo plus size Fluvia Lacerda

Para valorizar o corpo da mulher GG deve-se prestar atenção ao colo com decotes em V que deixam o pescoço mais alongado, valorizar a cintura com cintos e casacos que afunilem essa região do corpo, dar preferência para as calças retas e saias na altura do joelho pois deixam as pernas mais longilíneas e as estampas devem ser discretas nas partes que desejar disfarçar, como os quadris.

 

Valorizar o corpo que tem independente das imposições da mídia é uma nova afirmação do que é realmente a beleza da mulher. Antes de procurar os defeitos, destaque o que tem de mais bonito no corpo e siga confiante com a auto estima nas alturas!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s