A moda urbana e a cultura pop como refúgio para os adolescentes no Japão

 

Conhecidos pela educação, dedicação aos estudos e rigidez comportamental, os japoneses passam a imagem de um povo esforçado e competitivo, sempre buscando a excelência em tudo que fazem, seja nos estudos ou no trabalho. Os costumes rígidos da sociedade japonesa acabam pressionando os jovens do país a sempre estarem se preparando para a vida adulta, com longas horas de estudo visando passar no vestibulinho para uma escola pública ou no vestibular para uma universidade conceituada, para futuramente conseguirem um emprego de prestígio e a possibilidade de casar e construir uma família. Essas exigências acabam sobrecarregando os adolescentes que, caso não alcancem as expectativas dos pais e professores, não aguentam a vergonha e muitos acabam entrando em depressão ou até mesmo cometendo o suicídio.

Em resposta a essa cultura tradicional e severa, muitos jovens passaram a adotar comportamentos contrários ao exigido de um adulto no intuito de criar um mundo com mais liberdade de expressão e de aceitação. O termo kawaii significa algo fofo, bonitinho e adorável, sendo usado principalmente na moda e cultura pop do Japão através de expressões infantilizadas, vestuário e maquiagens com cores mais alegres e com bastante detalhes, olhos arredondados, pele branquinha, com aparência de boneca.

Decora kei, Sweet lolita e Kigurumi

Além das japonesas há também meninas ocidentais que aderem a esse look kawaii e se popularizaram nas mídias sociais principalmente no Japão devido ao seus tutoriais de maquiagem e dicas de roupas. A americana Dakota Rose, conhecida como Kota Koti e a londrina Venus Angelic têm a aparência semelhante a de uma boneca e se vestem como as personagens de animes.

Venus Angelic e Kota Koti

A maioria dos jovens japoneses se encontram principalmente no bairro de Harajuku, famoso pelas lojas de roupas e grande concentração de artistas de rua e Akihabara, conhecido pelas lojas de produtos tecnológicos. Ambos são lugares onde a moda urbana é bem representada através de adolescentes ousados e apaixonados por novidades.

Harajuku

Akihabara

As indústrias da música no Japão e na Coreia do Sul usufruem dessa moda criando artistas de aparência meiga, pele geralmente bem clara e olhos grandes, além da voz fina e expressões fofas.

Grupo sul coreano Sistar, famoso no Japão e na Coreia do Sul

 

Já a indústria de brinquedos aproveitou essa fixação pelo kawaii  através de personagens adoráveis, de formas arredondadas, coloridos e muito simpáticos.

Personagens da empresa japonesa Sanrio

A moda urbana no Japão influencia pessoas de diversos países, principalmente no Brasil, onde o maior ponto de encontro dessa cultura é no Bairro da Liberdade, localizado na cidade de São Paulo, gerando bastante comércio de produtos, desde roupas até eletrônicos e o dia de mais movimento é no domingo.

Bairro da Liberdade

A cultura pop surgiu para esses jovens como uma forma de escapar de uma sociedade opressora e exigente, liberando toda a criatividade e ousadia de mentes que eram obrigadas a andarem sempre na linha e seguir ordens. Esses adolescentes inspiram pessoas do mundo todo e são sempre novidade nas mídias sociais, sempre notados como inovadores e autênticos.

 

Anúncios

5 comentários sobre “A moda urbana e a cultura pop como refúgio para os adolescentes no Japão

  1. Pingback: O pop coreano superando preconceitos e ganhando fãs no Japão e no mundo « Moda com biscoitos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s